Gibis, tokusatsus, cinema e cultura pop em geral
 
InícioInício  Blog  CalendárioCalendário  FAQFAQ  BuscarBuscar  MembrosMembros  GruposGrupos  Registrar-seRegistrar-se  Conectar-se  

Novo Tópico   Responder ao tópicoCompartilhe | 
 

 literarura infantil/infanto-juvenil

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
AutorMensagem
Dr-Peste
Fazendeiro da Semana
avatar

Mensagens : 137
Data de inscrição : 17/10/2010
Localização : Sampa-Peste

MensagemAssunto: literarura infantil/infanto-juvenil   Sab 26 Fev - 14:14

Não sei quem ou quantos usuários aqui se interessam pelo , ou já se dedicaram a produzir algo do, gênero. É claro que a definição é bem elástica e engloba desde aquela obra de entrada ao mundo da leitura e vai até aquele trabalho que transcende os rótulos das prateleiras da livraria.

Escrevi duas peças infantis e sempre tive em mente que, como a criança muitas vezes não vai sozinha ao teatro, uma boa peça é aquela que deve agradar às crianças sem necessariamente chatear mortalmente aos adultos.

Acho que algo análogo pode ser dito da literatura infantil e a infanto-juvenil. Não importa a qual público ela originalmente se destina. Se for boa ela agradará adultos também.

Creio que seria interessante um tópico voltado a recolher as impressões dos usuários, mesmo os que não tenham interesse na produção, já que os dados sobre as obras que os iniciaram no mundo das letras , as impressões que ainda remanescem sobre as mesmas depois dos anos , seria interessante para o tópico.

Podemos deixar de fora aqueles livros com óbvios sentidos de reforço ao processo de alfabetização, focando naqueles que se encarregam já da formação do imaginário, de iniciação ao reino da narrativa e do fantástico nas suas variadas formas. Dos contos da Carochinha e Alice no país das maravilhas até Harry Porter, Tolkien e afins.

Quem tiver interesse em discorrer um pouco sobre o assunto, o tópico está aberto.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://docpeste.wordpress.com/
Kamen Rider
Imperador Sécular Gorgom
avatar

Mensagens : 1529
Data de inscrição : 19/09/2010

MensagemAssunto: Re: literarura infantil/infanto-juvenil   Sab 26 Fev - 14:36

Citação :
Escrevi duas peças infantis e sempre tive em mente que, como a criança muitas vezes não vai sozinha ao teatro, uma boa peça é aquela que deve agradar às crianças sem necessariamente chatear mortalmente aos adultos.

Quem faz os filmes da Xuxa e Didi bem que poderia pensar assim também

_________________
"Quando ouço falar da cultura brasileira, já saco meu rolo de papel higiênico"

Olavo de Carvalho.


Compre aqui sua camiseta de tokusatsu

http://www.vitrinepix.com.br/clockup
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://clock-up.forum-livre.com
Kaiju
Ex BBB
avatar

Mensagens : 57
Data de inscrição : 25/09/2010

MensagemAssunto: Re: literarura infantil/infanto-juvenil   Sab 26 Fev - 23:16

Acredito que tem muita coisa que deve chatear mortalmente até as crianças, principalmente com essa moda do super politicamente correto hoje em dia. Algo que sempre matou legal nesse sentido são obras com "moral da história", licaozinha. Tiro da minha própria experiência como leitor quando criança, uma das primeiras coisas que li provavelmente foi uma coleção de contos de fada e fábulas que achava um porre, salvo umas exceções loucas. Quando encontrei uma coleção de clássicos que tinha bastante aventura e ficção como robin hood e 20.000 leguas submarinas fiquei deslumbrado, devo ter lido cerca de quarenta livros num único ano.

Pior mesmo é a nulidade em forma de roteiro encontrada em "obras" como os filmes mencionados pelo rider. Não, ainda pior é como há uma hipócrita preocupação ferrenha com o politicamente correto de um lado, enquanto o que há de pior no ser humano (especialmente no brasileiro) é aproveitado principalmente para humor ruim e ao mesmo tempo é enaltecido passando péssimos exemplos ou ideologias, como "bom mesmo é levar vantagem encima dos outros", "divertido é fazer merda e colocar a culpa em alguém", etc.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Dr-Peste
Fazendeiro da Semana
avatar

Mensagens : 137
Data de inscrição : 17/10/2010
Localização : Sampa-Peste

MensagemAssunto: Re: literarura infantil/infanto-juvenil   Seg 28 Fev - 1:38

Fábulas moralistas sempre existiram, mas a coisa fica pior a medida que estas fábulas vão sendo recontadas e adaptadas com cada um querendo dar seu tempero ao velho Esopo.

Algumas ficariam até melhores sem o pós-escrito explicativo e muitas vezes anticlimático. Pareceriam mais com os contos populares de onde todos se originaram.
E embora tenha as que são um porre, outras são puros repositórios de sabedoria popular . Várias vezes na vida eu me deparei com situações que me remetiam diretamente a fábulas como as da Raposa e as uvas, A grande assembleia dos ratos , entre outras.

E de certa forma o politicamente correto anda em prática a muito mais tempo, embora, como tudo mais no mundo, tenha ganhado uma velocidade e amplitude avassaladora.

Walt Disney é acusado por muitos por pasteurizar diversos contos populares em suas versões na telona. Mas a mesma crítica poderia se estender aos irmãos Grimm e Perrault, que suavizaram a maioria das narrativas da tradição oral, até porque as mesmas eram repletas de violência, referências a sexo, canibalismo, pois não se destinavam originalmente à crianças.

Isso me lembra de que quando criança descobri uma coleção incompleta das mil e uma noites, numa velha cristaleira do meu avô. A coleção nada tinha para crianças, já que era repleta de belas e hipnóticas ilustrações de princesas, escravas , espíritos, gênios femininos de proporções “pamela-andersonianas”, ora desnudas ora cobertas por vaporosos véus. Punheta

O bacana de As 1001 noites é que foi uma dos primeiros exemplos de uso do recurso da história dentro da história, já que além das narrativas de Sherazade, há a própria história dela, que pode morrer ao final das narrativas.

Voltando ao dito sobre o politicamente correto, outro ponto atingido são as ilustrações. Há uma tendência a afofinhar os traços dos produtos destinados à petizada, fazendo com que até o famigerado lobo mau parece algo como um bichinho de pelúcia.
Quando criança eu tinha um livro em que o bicho parecia um psicopata com olhar de chapada Mesmo mal sabendo ler, tive uns bons pesadelos por causa do olhar do bicho.

Acho que a escolha das ilustrações são de suma importância para determinadas obras.
É como se fossem a ponte entre o processo racional da compreensão da escrita e estruturação da imaginação que a criança já possui de forma latente e em alto grau.

Quem leu a singela história da Chapeuzinho vermelho com este lobo mau :

Dificilmente teve a mesma experiência sensorial de quem leu com este aqui :

Pode ser que os pais evitem alguns pesadelos nos pimpolhos, mas ao mesmo tempo os privem de uma dieta mais substancial no que tange ao futuro repositório de seu imaginário, como se estivessem alimentando a fabulosa caldeira da imaginação infantil com meros gravetos.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://docpeste.wordpress.com/
Agronopolos
Guardião do Infinito
avatar

Mensagens : 346
Data de inscrição : 22/11/2010
Idade : 36
Localização : Terra (do lado de fora)

MensagemAssunto: Re: literarura infantil/infanto-juvenil   Seg 28 Fev - 12:21

Dr-Pimpolho
Vc ainda tem essa coleção imcompleta da 1001 noites da sua avô?

se tiver eu compro! Punheta
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário Http://thenewdppu.blogspot.com/
Dr-Peste
Fazendeiro da Semana
avatar

Mensagens : 137
Data de inscrição : 17/10/2010
Localização : Sampa-Peste

MensagemAssunto: Re: literarura infantil/infanto-juvenil   Ter 1 Mar - 23:52

A coleção ao que parece pertencia a um dos meus tios e Infelizmente, depois de mudanças e andanças , o destino desta coleção é um mistério.
Como eu era muleki, detalhes como editora , tradutor e ano de impressão me são desconhecidos, o que dificultou muito a pesquisa a respeito do mesmo, na web e em sebos. Sad

Michael Ende

Este eu já li beeem grandinho, pois ,como muitos da minha geração, fui arrebatado pelo filme : ” A história sem fim “, quando era guri.

Mas embora o filme seja um clássicão inesquecível dos anos 80, o livro é uma experiência muito mais profunda, onde, assim como o já sitado "As 1001 noites", temos a história dentro da história, mas num muito bem armado e primoroso jogo lúdico de fantasia , que dá novo significado ao clichê literário do "conseguiu trazer o leitor para dentro da história", pois ele realmente consegue fazer o leitor se sentir parte da trama do mundo de Fantasia. Leitura pra todas as idades.

Outro bom livro do autor é Momo e Senhor do tempo, que é uma bela alegoria crítica à insensível e utilitária pressa do mundo moderno.
Até parece livro de apologia ao movimento slow
Livros recomendadíssimos pra quem está pensando na estante da filharada, mas também ótima leitura para adultos que querem desopilar a mente e botar pra apitar no fogo o bule da imaginação.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://docpeste.wordpress.com/
Mohamed
Imperador Sécular Gorgom
avatar

Mensagens : 1077
Data de inscrição : 19/09/2010
Idade : 43
Localização : Centro da Terra

MensagemAssunto: Re: literarura infantil/infanto-juvenil   Qua 2 Mar - 20:48

Atentem pro material gringo publicado pela editora Fundamento no segmento infanto-juvenil.
É a velha fórmula de pegar o que está dando certo lá fora.

Eu estou acompanhando o marketing deles e estou vendo se funciona.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://www.formspring.me/Moh4med
B.K.
Passageiro do Den Liner
avatar

Mensagens : 631
Data de inscrição : 19/09/2010
Idade : 53
Localização : Entre os seios de sua mãe!

MensagemAssunto: Re: literarura infantil/infanto-juvenil   Sex 4 Mar - 0:56

É que existe uma regra entre os autores famosos, não tão famosos e mesmo os amadores: "tem que seguir o que manda o mercado".

É foda, é uma bitolação do caralho, porque a Escrita é uma forma de Arte. Você não precisa seguir os ditames do mercado, nem tem por obrigação fazer o Bem vencer o Mal ou o mocinho ficar com a mocinha...

Ou tem que agradar os negros, homossexuais ou a Lei.

Arte é livre, sem limites, sem barreiras, nada.

Eu me lembro que o ilustrador dos livros do Julio Verne era um baita ilustrador, respeitadíssimo, poderoso, fodido de tudo, milionário.
De repente o velho largou a linha comercial e partiu pra desenhar putaria.
Putaria artística, claro, mas tinha lá casal metendo, mulher chupando pau de cachorro, véio batendo punheta com ninfetinha e ele mesmo se desenhava com cara de caralho.

Por que?
Porque é Arte, porra!

Lembra daquele cara que fez um quadro de L\'os com esterco e um desenho da Virgem Maria com mijo?
É Arte sim!
Aquele outro que pegou uma vaca, fatiou a criatura e expos as suas vísceras entre chapas de vidro?

Arte.

Só que não existe mais na Literatura brasileira um autor que aborde um tema, QUALQUER tema, e que chute o balde. No máximo você tem o Marcatti que cheira ralo e olhe lá!

As verdadeiras expressões artísticas são OBRIGATORIAMENTE CONTRA o esquemão.

Só que a caretice vai pressionando o autor que, de um lado, pra ser lido, precisa ser acessível e se adequar ao esquemão.
Segundo, se ele aborda qualquer coisa mais "proibida", ele vai pros quintos dos infernos.

E terceiro, o mais importante, é que se ele não for amigo do amigo do amigo do rei, já limam ele do esquema sem pensar duas vezes.

Veja só: tudo é alegoria. Tudo é crítica. Tudo é beicinho. Tudo é mimimi. Tudo, mas tudo mesmo, é rebeldia de araque. Rebeldia de mentirinha, orquestrada, certinha, trancada entre quatro paredes, condicionada, feita pra agradar.

Mesmo o livro que mais se coloca como sendo "rebelde", tipo Bruna Surfistinha, é novela de amor perdido com sexo...
Mas é novela.
"Nossa, uma branca, classe-média, loira e queé Xuxa! Wow! Que coisa horrível! Será que ela encontrará amor e bububu?"

Você quer ver um tema que dá uma briga fodida?
Uma menina de 12 anos apaixonada pelom professor. Tipo aqueles mangás sacaninhas.
Se um cara escreve um livro sobre isso, ele corre o risco de ir preso. Se fizer DIREITO, corre o risco de ser morto! Besouro

Outra: uma FC em que o Brasil foi dominado pelos nazistas e que se mostra Hitler como um cara legal, amigo, um líder sublime e amado.

TÁ LOUCO???

Enfim, eu acredito que nenhum livro pra molecada, hoje, não vale o papel que está impresso.
Porque são livros modinha de um lado, aprovados pelo Código de Ética de outro e marketing sórdido e imundo (tipo Princesas do Mar).

Tratam-se as crianças feito reis e raínhas. Eles não tem contato com a vida real, com sangue, morte, violência, fúria, nada. Todos são hiper-protegidos, com histórias açucaradas, personagens doces, MUITA MÚSICA, muita CANTORIA, papai amigo, mamãe sábia, avós maravilhosos, mundos lindos, compreensão e tolerância em toda parte.
E trocentos bilhões de bichinhos falantes.
Sempre tem que ter um bicho que fala. Porque esse bicho vira brinquedo, sacou?

Pedrinho comia a Narizinho. Ficava no ar, mas ele comia.

O Menino Maluquinho é retardado.

Peixonauta é mongolóide.

Ou seja, não temos uma contra-oferta pra molecada conhecer o Lado Escuro da Vida.

O resultado já está aí: eu vejo na escola das minhas filhas uma criançada mal educada, despirocada, gritadora, brigando o tempo todo, achando que pode tudo (e podem), pais reclamando de qualquer coisa ("eu vô nu consêlhu tutelá!"), diretoras omissas, professores entediados, as "tias" desesperadas e meio loucas...

Até que uma professora séria dá uma bronca no aluno, ele sai da aula, vai em casa, pega uma arma, volta e mete 4 tiros na cabeça dela.

Minha tese é simples: sublima-se demais as dores da Vida.
Esconde-se a Sombra do coração humano.

Numa hora, ela vem cobrar pedágio.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://www.milmomes.com
Clanker
Sobrinho do Tio Patinhas
avatar

Mensagens : 185
Data de inscrição : 23/09/2010

MensagemAssunto: Re: literarura infantil/infanto-juvenil   Sex 4 Mar - 2:10

Ou seja, não se torne professor.

Você corre o risco de ser morto por seu próprio aluno.

E pensar que no meu tempo a gente se borrava de medo do malaco!
Se bem que já peguei professores excessivamente boçais ao ponto da cegueira.

Mas outros eram sensacionais. Duros, disciplinaristas ferrenhos, mas sensacionais.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
B.K.
Passageiro do Den Liner
avatar

Mensagens : 631
Data de inscrição : 19/09/2010
Idade : 53
Localização : Entre os seios de sua mãe!

MensagemAssunto: Re: literarura infantil/infanto-juvenil   Sex 4 Mar - 11:33

O que acontece, mano, é que as coisas estão cada vez mais degradadas.
O reboco está caindo, o teto afundando, o chão tem peça solta, o pino bate, o cabeçote...

Enfim, tá tudo PODRE!
NADA funciona.
Manja a palavra NADA?
Pois é.

NADA funciona.

Só que a mídia vem e te aplica uma Xuxa duma conversa mole, te dizendo que "o Brasil é o país do futuro, a Copa vem aí, olha o Carnaval" e tals...

Mas troca uma idéia com um cara de 18 anos.
Troca uma idéia com uma mina de 18 anos.

Aliás, pixa conversa com qualquer um FORA daqui do forum. Aqui nós temos um nível melhor, uma formação melhor e tals, mas lá fora...
Lá fora é FODA, lá fora tá TUDO desabando.

Só que temos a péssima tendência de apertar o botão do "foda-se".
E votamos nos mesmos caras, e pagamos os impostos, e levantamos bandeirinha verde e amarela...

Fodeu.
O Brasil fodeu.
E a gente está se fodendo junto exatamente porque NOS VEMOS como brasileiros.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://www.milmomes.com
Mohamed
Imperador Sécular Gorgom
avatar

Mensagens : 1077
Data de inscrição : 19/09/2010
Idade : 43
Localização : Centro da Terra

MensagemAssunto: Re: literarura infantil/infanto-juvenil   Seg 28 Mar - 12:07

Como a leitura é um hábito elitista, cheguei à conclusão que um livro não precisa ser barato.
Baratear a literatura não faz com que as pessoas leiam mais.

Esse é um problema crônico da sociedade brasileira.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://www.formspring.me/Moh4med
B.K.
Passageiro do Den Liner
avatar

Mensagens : 631
Data de inscrição : 19/09/2010
Idade : 53
Localização : Entre os seios de sua mãe!

MensagemAssunto: Re: literarura infantil/infanto-juvenil   Seg 28 Mar - 12:23

Baratear a leitura não resolve nada. Baratearam os clássicos da Literatura com a coleção Folha.

As pessoas compraram para colocar na estante e esnobar os amigos, mas quase ninguém leu.

Não leu porque é um texto chato. Com temática chata, daquelas bostas que somos obrigados a ler na escola.

Em compensação, Harry Potter e Crpúsculo venderam mais que gasolina na véspera de reajuste!

Não é que a leitura seja um hábito elitista.

É que as editoras não sabem, ou não querem, trabalhar com livros de concepção e apelo popular.

A postura elitista presente nas publicações não vem dos leitores, mas pela OPÇÃO dos editoras a querer direcionar seus produtos para os tais "nichos de mercado".

Não está rolando, enfim, uma comunicação entre os editores e os leitores comuns.
Os editores querem apenas os "nichos de mercado" e, naturalmente, vender pro Estado pois esse aceita qualquer merda.

Mas se o leitor não quer ler, se nosso leitor não gosta de ler, como é que o Mil Nomes vendeu bem?
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://www.milmomes.com
Chris Galford
Pescador Parrudo
avatar

Mensagens : 13
Data de inscrição : 28/03/2011
Idade : 30
Localização : Terra das lagartixas albinas saltitantes

MensagemAssunto: Re: literarura infantil/infanto-juvenil   Seg 28 Mar - 16:12

De fato, o que temos hoje é uma geração de bebês chorões que quando vêem alguma crítica, já saem correndo exigindo "respeito", que na verdade significa "se você falar mal do meu ídolo eu denuncio você por calúnia e difamação".

E leitura obrigatória, dessas das aulas de literatura e pré-vestibular, é uma bosta mesmo, a pessoa lê só pra poder passar na prova. Depois, ela não quer nem saber.

Kaiju escreveu:
Acredito que tem muita coisa que deve chatear mortalmente até as crianças, principalmente com essa moda do super politicamente correto hoje em dia. Algo que sempre matou legal nesse sentido são obras com "moral da história", licaozinha. Tiro da minha própria experiência como leitor quando criança, uma das primeiras coisas que li provavelmente foi uma coleção de contos de fada e fábulas que achava um porre, salvo umas exceções loucas. Quando encontrei uma coleção de clássicos que tinha bastante aventura e ficção como robin hood e 20.000 leguas submarinas fiquei deslumbrado, devo ter lido cerca de quarenta livros num único ano.

Exatamente, Queijo. Me lembro de quando vi uma publicação dos contos da Scherazade. O conto do ali baba tinha descrição de um cara que esqueceu como se abre a caverna do "abre-te sésamo" e terminou todo picado. Depois, costuraram o cara. Eles publicaram isso! E aquele gênio da garrafa de bronze, que o tiozinho se caga de medo e depois ele passa a perna no gênio.
Sem falar o Alladin, que é muito mais complexo do que aquele desenho da disney, todo açucarado e romantizado.

Kaiju escreveu:
Pior mesmo é a nulidade em forma de roteiro encontrada em "obras" como os filmes mencionados pelo rider. Não, ainda pior é como há uma hipócrita preocupação ferrenha com o politicamente correto de um lado, enquanto o que há de pior no ser humano (especialmente no brasileiro) é aproveitado principalmente para humor ruim e ao mesmo tempo é enaltecido passando péssimos exemplos ou ideologias, como "bom mesmo é levar vantagem encima dos outros", "divertido é fazer merda e colocar a culpa em alguém", etc.

Politicamente correto e Lei de Gérson no brasil são como cara e coroa. Comparação nonsense, mas Porra, de um lado, temos as crianças sendo lobotomizadas desde cedo. Do outro, temos o famoso "jeitinho brasileiro". Vamos criar uma geração de acomodados e de bebezinhos chorões que só vivem de ameaça enquanto sempre vai ter alguém que percebe o quanto isso pode ser lucrativo.

B.K. escreveu:
Não está rolando, enfim, uma comunicação entre os editores e os leitores comuns.
Os editores querem apenas os "nichos de mercado" e, naturalmente, vender pro Estado pois esse aceita qualquer merda.

Sem falar na licitação que recebem pra isso.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
B.K.
Passageiro do Den Liner
avatar

Mensagens : 631
Data de inscrição : 19/09/2010
Idade : 53
Localização : Entre os seios de sua mãe!

MensagemAssunto: Re: literarura infantil/infanto-juvenil   Seg 28 Mar - 16:28

Eu tenho duas filhas na escola pública. E meu filho mais velho passou por escola pública.

Então lhes garanto, com toda certeza vai muito, mas muito do aluno em si e do estímulo que ele tem em casa.

Porque a escola não presta pra porra nenhuma.
Pra nada.

Você, eu, nós nos demos bem porque fomos incentivados por alguém. Minhas filhas desenham bem e lêem adoidado porque aqui em casa a gente desenha e lê adoidado.

Mas se depender da escola, véio, esqueça.

A função dos professores é vomitar lixo. Ponto.
Memorize, decore, guarde e pau no seu cu.
Atrás do palco rola a loucura com teorias de esquerda, contradições de direita, ou seja, a mais rasteira demagocia política.

E professor SE CAGA DE MEDO DE ALUNO!
Porque a molecada sabe que não pega nada, que não dá nada, que não rola um couro no lombo dele por causa de uma legislação leniente.

Na escola da minha filha, saiu uma briga entre as adolescentes. Uma delas sacou um lápis e furou o olho da outra.
Foi aquele inferno do caralho, com as professoras gritando, a molecada zoando e a mina sangrando.
Não podiam remove-la porque se ela morre no carro da professora, rola homicídio culposo.
Chama o SAMU e demora uma eternidade.
Quem puser a mão será responsabilizado civil e criminalmente, etc.

Resultado: removeram a aluna agressora, removeram a aluna ferida e a molecada não dá o menor valor ao professor. Tanto que dormem na classe, bagunçam, paqueram e já teve caso de professora levar caderno na cabeça. Sorte dela, pelo menos não foi uma bala.

Então eu acredito que tá tudo PODRE!
Aqui na frente, lá atr´pas, em toda parte.

O lance dos livros é só um pedaço desse câncer, porque se você puxa o resto, meu amigo...
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://www.milmomes.com
Conteúdo patrocinado




MensagemAssunto: Re: literarura infantil/infanto-juvenil   

Voltar ao Topo Ir em baixo
 

literarura infantil/infanto-juvenil

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 1 de 1

Permissão deste fórum:Você pode responder aos tópicos neste fórum
Clock Up :: Principal :: Criações-
Novo Tópico   Responder ao tópico
Criar fórum no Forumeiros | © phpBB | Fórum grátis de ajuda | Fale conosco | Assinalar uma queixa | Fórum grátis