Gibis, tokusatsus, cinema e cultura pop em geral
 
InícioInício  Blog  CalendárioCalendário  FAQFAQ  BuscarBuscar  MembrosMembros  GruposGrupos  Registrar-seRegistrar-se  Conectar-se  

Compartilhe | 
 

 Wikileaks e as denúncias de presepadas mundiais e do império.

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
AutorMensagem
BarryAllen
Guardião do Infinito
avatar

Mensagens : 316
Data de inscrição : 26/09/2010
Localização : house of Kralho.

MensagemAssunto: Wikileaks e as denúncias de presepadas mundiais e do império.   Qua 1 Dez - 15:23

E o que estão achando desse "babado"......eu acho que o Nelson Rubens tem que escrachar mesmo...ainda mais se for assunto dos reis do mundo.

Dentre tantas merdas, uma que achei estranhamente interessante:

Citação :
Wikileaks



DenúnciaWikileaks: Sarkozy usa Carla Bruni para fortalecer relação França/Brasil

Quer dizer lá, que o Sacozinho, além de comer uma delicia de uma senhora, ainda quer esfregar a buça dela no Brasil pra pegar a simpátia da turma do Molusco?!
Esse cabra é matuto pra porra....só que tá tomando na bunda com greves e seu jeito inflexível de querer mandar na zona dele.

Qual a "fofoca" mais interessante do Wikileaks??????
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://complexowill.blogspot.com
Fábio Leite
Sexto Power Ranger
avatar

Mensagens : 361
Data de inscrição : 19/09/2010
Localização : Longe, Muito Longe

MensagemAssunto: Re: Wikileaks e as denúncias de presepadas mundiais e do império.   Dom 5 Dez - 17:38

Onde houver poder meu amigo, vai ter uma buceta agarrada ali do ladinho dele. Assim diz a história da humanidade.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://www.formspring.me/milkoflove
Mephisto
Aluno do P.S. 118
avatar

Mensagens : 213
Data de inscrição : 21/09/2010
Idade : 28

MensagemAssunto: Re: Wikileaks e as denúncias de presepadas mundiais e do império.   Ter 7 Dez - 18:59

Vamos lá...

Foi a muito pouco tempo que conheci o Wikileaks, mas venho dando uma olhada no que anda saindo...

Citação :
Fundador do WikiLeaks é preso na Grã-Bretanha
LONDON (Reuters) - O fundador do website WikiLeaks, Julian Assange, foi detido pela polícia britânica com base em um mandado internacional de prisão emitido pela Suécia, disse a Polícia Metropolitana de Londres nesta terça-feira.

Promotores suecos emitiram um mandado de prisão para o australiano de 39 anos, que é procurado na Suécia sob suspeita de cometer crimes sexuais, acusação que ele nega.

(Reportagem de Michael Holden)

Fonte : http://noticias.br.msn.com/artigo.aspx?cp-documentid=26652153


Citação :




Depois de um pequeno escândalo envolvendo uma prisão às escuras com acusações escusas, vazamento de informações secretas e os EUA passando por cima de direitos civis, o Wikileaks tá longe de sair dos holofotes do mundo. Muito pelo contrário, a prisão de Bradley Manning, em junho, foi apenas o início de um caso que se estenderia por muito tempo e tomaria proporções absurdamente grandes e com nuanças dignas de um romance de Tom Clancy (se não souber nada sobre o caso, primeiramente leia os dois textos dos primeiros links do final do artigo).

Não se sabe até que ponto Manning (um jovem consultor de inteligência do Exército) teve participação nesses sucessivos vazamentos de documentos prioritários - já classificados como a maior perda da história da inteligência americana - mas se caso ele for a maior fonte, espera-se que os vazamentos cessem muito em breve, depois que o ex-hacker Adrian Lamo o denunciou para autoridades americanas, num caso de trairagem bem mal explicado.



Depois da explosão do caso Chacina Colateral (também em junho, pouco antes da prisão de Manning); em outubro, o Wikileaks colocou em seu site cerca de 400 mil documentos relativos a crimes americanos na Guerra do Iraque. Além da ação de americanos - inclusive com detalhes de novas operações da mesma unidade responsável pela Chacina Colateral -, os documentos revelavam o modo brutal como age a polícia iraquiana, treinada pelo exército dos EUA.

No mesmo período, o Wikileaks enfrentou abalos internos, quatro anos depois de fundado. A investigação criminal sobre um suposto caso de violação sexual envolvendo Julian Assange - principal rosto por trás do Wikileaks - e a justiça sueca explodiu nessa época. Seis colaboradores do site também anunciaram sua saída nessa época, bem como uma série de problemas técnicos misteriosos começaram a ocorrer - que investigações posteriores revelaram ser fruto de um ataque de negação de serviço (DDoS) a um servidor de criptografia do site, em Amsterdam. Também veio a revelação que uma série de documentos diplomáticos do Departamento de Estado dos EUA havia sido enviado ao Wikileaks pelo mesmo Manning e foi aí que as coisas começaram a descer ladeira abaixo.

Cerca de duas semanas depois (outubro), o site de coleta de doações Moneybookers bloqueou a conta do Wikileaks no serviço por um motivo bem assombroso: tinha sido colocado em uma lista oficial de vigiados dos EUA e em uma lista negra do governo australiano. Parece que os governos não mais usariam métodos obscuros pra agirem, passariam pra frentes ostensivas. O bloqueio aconteceu dias depois do Pentágono ter anunciado oficialmente que o Wikileaks - e Julian Assange em especial - estavam desagradando pessoas da alta cúpula do governo americano.




A Materia continua aqui http://www.nerdssomosnozes.com/2010/12/wikileaks-contra-o-mundo-e-algumas.html

Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Agronopolos
Guardião do Infinito
avatar

Mensagens : 346
Data de inscrição : 22/11/2010
Idade : 36
Localização : Terra (do lado de fora)

MensagemAssunto: Re: Wikileaks e as denúncias de presepadas mundiais e do império.   Qui 9 Dez - 15:27

Olha o babado!!!



E agora Barack Obama quem é "o Cara" agora??? Real Cool Face
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário Http://thenewdppu.blogspot.com/
Mephisto
Aluno do P.S. 118
avatar

Mensagens : 213
Data de inscrição : 21/09/2010
Idade : 28

MensagemAssunto: Re: Wikileaks e as denúncias de presepadas mundiais e do império.   Qui 9 Dez - 16:21

Vamos lá denovo a cobertura do caso Julian Assange Real Cool Face

Citação :
Putin ataca o Ocidente por documentos do WikiLeaks
09 de dezembro de 2010 | 16h 57
Leia a notícia
Comentários
Email
Imprimir
Twitter
Facebook
Delicious
Digg
Newsvine
LinkedIn
Live
Reddit
Texto - +
REUTERS

O primeiro-ministro russo, Vladimir Putin, atacou na quinta-feira os Estados Unidos por causa das comunicações diplomáticas divulgadas pelo WikiLeaks, e afirmou que o Ocidente não tem direito de passar sermões sobre democracia à Rússia.



Questionado sobre os documentos que o chamam de "cão alfa", à frente de uma burocracia corrupta e autoritária, Putin disparou: "Vocês acham que o serviço diplomático norte-americano é uma fonte cristalina de informação? Vocês acham?"


Ele então criticou o Ocidente pela prisão de Julian Assange, fundador do WikiLeaks, acusado de crime sexual na Suécia.


"Se isso é democracia total, então por que esconderam o sr. Assange na prisão? Isso é o quê, democracia?"


"Então, vocês sabem, é como dizem no interior (da Rússia): a vaca de alguém pode mugir, mas a sua deve ficar quieta. Então eu gostaria de atirar o disco (do hóquei) de volta para os nossos colegas norte-americanos", disse Putin ao receber seu homólogo francês, François Fillon.


(Reportagem de Gleb Bryanski)


Fonte: http://www.estadao.com.br/noticias/internacional,putin-ataca-o-ocidente-por-documentos-do-wikileaks,651728,0.htm


Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Mephisto
Aluno do P.S. 118
avatar

Mensagens : 213
Data de inscrição : 21/09/2010
Idade : 28

MensagemAssunto: Re: Wikileaks e as denúncias de presepadas mundiais e do império.   Qui 9 Dez - 16:23

Citação :
Operação Payback manda pra lona vários sites corporativos
Por A Voz do Além




"A primeira infoguerra séria começou agora. O campo de batalhas é o Wikileaks. E vocês são os soldados"

John Perry Barlow, fundador da Electronic Frontier Foundation





Já diria Sun Tzu: Cada um usa as armas que tem, nenhuma delas deve ser menosprezada. Pois é, depois que uma avalanche de empresas cortou relações com o Wikileaks por pressão do governo americano (o PayPal já admitiu isso, ao menos), causando um congelamento financeiro nas doações do site, um grupo hacker organizou um poderoso contra-ataque. Se de um lado temos as forças mais poderosas da Terra, que controla governos, países, ordena assassinatos e possui as maiores fontes de riquezas… do outro temos umas tropa de anônimos utilizando táticas que poderiam ser classificadas como cyberguerrilha.

Ontem o dia foi recheado de ataques DDoS e servidores congestionados. Sobrou pra todo o mundo que se colocou contra Julian Assange e seu Wikileaks. Mas a primeira notícia bombástica tinha acontecido anteontem (dia 7) e não envolveu ataques, mas sim a prisão de Julian em Londres. Na manhã de terça-feira (9:30h, hora local e 7h30 em Brasília), Assange se entregou a polícia londrina - entrega que segundo o advogado dele, Mark Stephens, estava sendo negociada. Teoricamente, um dos homens mais procurados do mundo não está sendo processado por nada relacionado ao Wikileaks, mas sim por violência sexual (na verdade foi uma recusa a usar camisinha) e coerção ilegal. Como as acusações só valem na Suécia (o lance da recusa de usar camisinha só é crime por lá), fica bem claro o motivo da Interpol e a União Européia terem agido tão rápido na internacionalização da busca a ele. No mesmo dia, a Justiça londrina nega um pedido de fiança de Assange, baseado na gravidade das acusações, e graças a isso ele permanecerá na prisão até dia 14, aguardando o julgamento da extradição, contra qual ele está lutando.

Mas a rede de hackers Anononymous (aquela que derrubou o site da MPAA, RIAA e de Gene Simmons) não estava parada e convocou o que foi denominada Operação Payback (Vingança), que mesmo organizada às pressas foi bastante eficaz. Começou com o site do banco suíço PostFinance, que havia cortado ligações com o Leaks, que ficou fora do ar. O site da Sarah Palin - que havia dito que Assange merecia ser caçado como terrorista - teve o mesmo destino e pediu arrego em pouco tempo.

Depois (os sites não necessariamente caíram na ordem apresentada aqui, só pra ficar claro) foi a vez da página do advogado sueco Claes Borgstrom, que está representando as mulheres que acusam Assange - uma delas, aparentemente, é uma dissidente cubana com ligações com a CIA.

Até aí fácil, nada demais, dirão alguns. Mas a parte mais assustadora da operação viria depois: os sites da Visa e MasterCard cairiam como mamões podres em pouco tempo, mesmo sabendo que seriam atacadas. O caso da MasterCard parece ter sido pior, pois envolveu um gargalo técnico nos serviços da empresa - segundo a assessoria da empresa, rolou "uma interrupção de serviço em seu sistema de segurança de dados”. Ou seja: duas das maiores empresas financeiras do planeta foram cutucadas por um grupo Anônimo que não pode ser identificado e que organizou uma operação às pressas! É, parece que o mundo internético é menos sólido do que essas instituições pensam e um Caos Financeiro que vimos ser perpetrado no final daquele filme que todos gostam, não parece algo tão difícil assim, e nem precisaria envolver explosões de prédios.

Estranhamente, o PayPal - que segundo o cartaz seria o principal alvo da operação -, não foi atacado, mas creio que essa movimentação só está começando!

Fonte: http://www.nerdssomosnozes.com/2010/12/operacao-payback-manda-pra-lona-varios.html
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Mephisto
Aluno do P.S. 118
avatar

Mensagens : 213
Data de inscrição : 21/09/2010
Idade : 28

MensagemAssunto: Re: Wikileaks e as denúncias de presepadas mundiais e do império.   Qui 9 Dez - 16:31

Citação :


Facebook e Twitter excluem contas de hackers pró-WikiLeaks



Por Keith Weir

LONDRES (Reuters) - O Facebook e o Twitter excluíram contas de ativistas online que atacaram os sites da operadora de cartões de crédito Visa e outros serviços de pagamento via Internet devido a suas tentativas de bloquear o site WikiLeaks, depois que este divulgou cabogramas diplomáticos norte-americanos.

O Facebook confirmou que havia excluído a página Operation Payback, operadora por ativistas, na quinta-feira, porque ela estava promovendo um ataque distribuído de negação de serviço -uma forma ilegal de congelar sites. O Twitter se recusou a comentar.

A ação contra a Operation Payback e os ativistas que se definem como defensores da liberdade na Internet se seguiu a ataques online promovidos por eles contra gigantes dos cartões de crédito, a exemplo da Visa e Mastercard.

A campanha ressurgiu no Twitter no final da tarde, horário europeu, com o uso de outra conta. Os especialistas afirmam que as exclusões não devem ter muito efeito sobre a campanha em favor do WikiLeaks, porque os ativistas estavam usando outros serviços de chat para se organizar.

Um representante de um dos grupos envolvidos na campanha online declarou na quinta-feira que mais ataques online eram prováveis, como represália pelas tentativas de bloquear o WikiLeaks.

Na quinta-feira, os defensores do WikiLeaks estavam planejando ataques contra o serviço de pagamentos online PayPal e outros supostos inimigos do site de denúncias, que enraiveceu as autoridades dos Estados Unidos ao divulgar detalhes de 250 mil cabogramas confidenciais.

A Amazon também foi mencionada como alvo.

"A campanha não acabou, pelo que vi, e continua forte. Mais gente está aderindo", disse um porta-voz que declarou se chamar "Coldblood" à BBC Radio 4. O porta-voz, que tinha sotaque inglês, disse ter 22 anos e trabalhar como engenheiro de software.

Os sites das gigantes dos cartões de crédito Mastercard e Visa foram derrubados temporariamente por meio de ataques distribuídos de negação de serviço, que paralisam servidores por algum tempo ao bombardeá-los com número excessivo de solicitações.


Sinceramente... Se existe uma coisa que eu tirei disso tudo que aconteceu é a velha maxima... O povo não deve temer seu governo, mas o governo deve temer seu povo...

Um ataque DDOS feito por um grupo de anonimos arganizados por Facebook sem lá muit organização e com muita pressa conseguiu fuder os sites da Mastercard e da Visa... E além disso dois governantes muito influentes( Lula e Putin) esficaram a favor do WikiLeaks...

E ainda tem gente que nega a mudança que a internet esta causando no mundo... O Velho mundo esta acabando... E não importa o que acontecer com Assange... se fuderem com ele virão outros...

Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Mephisto
Aluno do P.S. 118
avatar

Mensagens : 213
Data de inscrição : 21/09/2010
Idade : 28

MensagemAssunto: Re: Wikileaks e as denúncias de presepadas mundiais e do império.   Qui 9 Dez - 16:37

Esqueci de passar a fonte da noticia anterior..

http://oglobo.globo.com/mundo/mat/2010/12/09/facebook-twitter-excluem-contas-de-hackers-pro-wikileaks-923237288.asp

Ta ai...

Estou me sentindo o Svarog.... Cool FACE Cool FACE Cool FACE Real Cool Face Real Cool Face
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
caxumba
Pica das Galáxias
avatar

Mensagens : 154
Data de inscrição : 08/12/2010

MensagemAssunto: Re: Wikileaks e as denúncias de presepadas mundiais e do império.   Qui 9 Dez - 17:39

Agronopolos escreveu:
Olha o babado!!!



E agora Barack Obama quem é "o Cara" agora??? Real Cool Face

CARALHO!!!! lol! lol! lol! Besouro Besouro Besouro

Porra, se o Lula é a favor do Wikileaks, por que ele não abre logo as contas dos cartões corporativos, que são secretas? Cool FACE
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Svarog
Imperador Sécular Gorgom
avatar

Mensagens : 861
Data de inscrição : 12/10/2010

MensagemAssunto: Re: Wikileaks e as denúncias de presepadas mundiais e do império.   Qui 9 Dez - 20:02

Vá vá é tudo boate de internet , coisa de site , teoria da conspiracao a verdade mesmo é a justiça e a democracia que enjaularam mais um que abriu a boca demais.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Milagros
Aluno do P.S. 118
avatar

Mensagens : 209
Data de inscrição : 19/09/2010
Localização : Não interessa

MensagemAssunto: Re: Wikileaks e as denúncias de presepadas mundiais e do império.   Sex 10 Dez - 21:18

bela DEMOcracia meu caro DJ Svarog.
E esse camarada gringo ganhou meus aplausos.

JORNALISTA PAU DURO é coisa rara. Real Cool Face Punheta
O brabo é mexer com esses tubarões.
E bela merda um cachaceiro anarfa defender o carinha.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Crocodilo
Filho do Sol
avatar

Mensagens : 417
Data de inscrição : 20/09/2010
Idade : 30

MensagemAssunto: Re: Wikileaks e as denúncias de presepadas mundiais e do império.   Sab 11 Dez - 12:02

Lula só tá bajulando o cara só pra passar melhor impressão Bleh

Agora essa é pros ambientalistas bitolados do Greenpeace, WWF(não a empresa de luta livre), PETA e derivados...

Olha aí "Uma Verdade Inconveniente" sobre aqule teminha....

http://www.midiaindependente.org/pt/blue/2010/12/482112.shtml

http://www.estadao.com.br/noticias/vidae,wikileaks-revela-manipulacao-americana-nas-negociacoes-climaticas,650317,0.htm


Citação :

Sempre que você ouvir um político pontificando sobre aquecimento global, pense nessa classe parasitária e em inúmeros lobistas enchendo as burras de dinheiro oriundo de impostos, e tudo à custa do padrão de vida dos países mais pobres.

É, Marina Silva...
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
BarryAllen
Guardião do Infinito
avatar

Mensagens : 316
Data de inscrição : 26/09/2010
Localização : house of Kralho.

MensagemAssunto: Re: Wikileaks e as denúncias de presepadas mundiais e do império.   Sab 11 Dez - 12:21

Citação :
Comunicado
Vaticano adverte sobre credibilidade de revelações do site WikiLeaks

AFP


O Vaticano advertiu neste sábado contra a credibilidade das informações reveladas pelo site WikiLeaks, após o jornal inglês The Guardian publicar um documento diplomático americano questionando sua atitude em casos de pedofilia.


Segundo esta nota da embaixada americana em Roma, o Vaticano teria se recusado a cooperar em uma investigação irlandesa sobre abusos sexuais de crianças cometidos por membros do clero em Dublin, alegando que o pedido irlandês não respeitou o procedimento oficial.


Em um comunicado, o Vaticano rejeita "entrar na apreciação da extrema gravidade da publicação de uma grande quantidade de documentos reservados e confidenciais e de suas possíveis consequências".


"Naturalmente, esses relatórios refletem as percepções e opiniões das pessoas que os escreveram e não podem ser considerados nem como a expressão da Santa Sé, nem como citações específicas das palavras de seus líderes", continuou o comunicado. "Sua credibilidade deve ser considerada com reservas e muita prudência", concluiu.


Segundo o telegrama da embaixada americana em Roma, datado em 26 de fevereiro, os pedidos de informação da comissão Murphy, responsável por investigar casos de pedofilia na Irlanda, "ofenderam muita gente no Vaticano (...) porque viam uma afronta à soberania do Vaticano".


Segundo este documento, a comissão Murphy escreveu diretamente às autoridades da Santa Sé sem passar pela via diplomática. Este procedimento provocou a ira do Vaticano, que reprovou o governo irlandês por não exigir que a comissão respeitasse os procedimentos de pedido de informação à Santa Sé.


O embaixador irlandês no Vaticano, Noel Fahey, descreveu este período como "a crise mais difícil que conheceu", segundo a mesma fonte. Publicado em 2009 após três anos de investigação, o informe Murphy revelou como os responsáveis da diocese de Dublin acobertaram os abusos sexuais cometidos por membros do clero contra crianças da região.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://complexowill.blogspot.com
Svarog
Imperador Sécular Gorgom
avatar

Mensagens : 861
Data de inscrição : 12/10/2010

MensagemAssunto: Re: Wikileaks e as denúncias de presepadas mundiais e do império.   Sab 11 Dez - 13:56

É tudo mentira, prenderam o cara a toa só pra brincar e tal. Tentaram matar, acusar o cara de "n" acusações, silenciar o nego mas tudo de brincadeira.
Ai ô até o vaticano tá dizendo que é falso essas "fofocas" então com ctz absoluta é mentira e outra porra é coisa de internet pô, tudo coisa de "adolescente" enfim não dá pra acreditar né.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Kamen Rider
Imperador Sécular Gorgom
avatar

Mensagens : 1528
Data de inscrição : 19/09/2010

MensagemAssunto: Re: Wikileaks e as denúncias de presepadas mundiais e do império.   Seg 20 Dez - 22:29

O que realmente está por trás do WikiLeaks?

Julio Severo | 20 Dezembro 2010
Artigos - Movimento Revolucionário

Enquanto Lula elogia o Wikileaks, a diplomacia brasileira usa o caso como exemplo visando a formação de um órgão de censura à internet sob o controle da ONU.

A nível de curiosidade, foi muito legal conhecer as conversas e comunicações das embaixadas americanas, assim como também seria muito interessante ver o que dizem às ocultas os embaixadores do Brasil. Infelizmente, ainda não houve um vazamento de tais comunicações secretas do Brasil. Fora alguns fatos exóticos, o WikiLeaks revelou informações realmente confidenciais? Num dos vazamentos tratando de setores cruciais para a segurança dos EUA, menciona-se uma fábrica australiana que produz antídoto contra veneno de cobra. Dá para crer que se os terroristas islâmicos atacarem a fábrica australiana, os EUA estarão vulneráveis ao maior ataque de cobras da história humana?

O cenário seria terrível: cobras mordendo Obama e seus ministros. Milhares de cobras venenosas deslizando nas ruas e atacando milhares de participantes das paradas gays de San Francisco a Nova Iorque. Cobras em escolas, hospitais e estádios de futebol, com milhões de pessoas caídas por mordidas envenenadas.

Pobres cobras do mundo! Estão servindo como bodes expiatórios de algum grande esquema. E há outros absurdos na lista vazada de possíveis alvos terroristas.

Duvido muito que os terroristas islâmicos tenham caído nessa estória de que a fábrica australiana é vital para a segurança dos EUA. Mas não duvido de que por trás do WikiLeaks haja "cobras" e "serpentes", mas não do tipo que conhecemos na natureza. São depravadas mentes humanas com natureza de cobras astutas e malignas.

Desgraçadamente, o WikiLeaks não revelou nenhum segredo realmente importante do governo dos EUA. Se tivesse tentado revelar, o governo americano tem agentes secretos suficientes e poder suficiente para "resolver" esse problema. Aliás, a CIA tem durante décadas assassinado pessoas, matando homens realmente maus, mas também eliminando pessoas inocentes, inclusive no caso célebre onde foi abatido um avião com uma família de missionários evangélicos.

O livro "Target: Patton, The Plot to Assassinate General George S. Patton" (Alvo: Patton, o Complô para Assassinar o General George S. Patton), de Robert Wilcox, conta como o nascimento do serviço secreto americano, infiltrado por marxistas, foi acompanhado de assassinatos secretos de criminosos e inocentes.

Nada impede a CIA de neutralizar os inimigos dos interesses dos EUA. Contudo, Julian Assange está vivo, e recebendo apoio em massa de esquerdistas famosos, até mesmo dos EUA, que defendem o controle da internet - um controle que mantenha o domínio absoluto das ideias deles e extermine as ideias conservadoras.

Recentemente, Assange obteve apoio financeiro de Michael Moore, produtor de um documentário sobre "homofobia". No que depender de Moore, supremo bufão do marxismo hollywoodiano, liberdade de expressão é direito que deve ser outorgado apenas aos que prestaram juramento de fidelidade à sodomia.

O presidente Lula da Silva é uma das figuras internacionais que protestou contra a "perseguição" a Assange e, aos olhos do público, defendeu o direito de livre expressão do WikiLeaks. Ué? Onde está o Lula cujo governo sempre quis censurar a internet no Brasil?

Entretanto, os diplomatas do Brasil na ONU, sob a orientação de Lula, estão liderando uma iniciativa para criar um órgão da ONU para policiar a internet, com o pretexto de evitar vazamentos semelhantes aos do WikiLeaks. O mesmo Lula que defende a liberdade de expressão do WikiLeaks está usando-o para restringir a liberdade de expressão dos internautas no mundo inteiro.

Se o caso do WikiLeaks fosse tão sério, por que Assange está vivo? Por que o WikiLeaks continua na internet? Por que Lula o apóia? E há outros fatos estranhos. Quem repassou ao WikiLeaks as informações suspostamente confidenciais dos EUA foi um soldado homossexual americano. Então por que o governo americano está tão determinado e obcecado em garantir que homossexuais assumidos atuem nas forças armadas?

Se o WikiLeaks representasse perigo para a segurança dos EUA, então quem deveria sofrer banimento, repressão e exclusão: a homossexualidade ou o direito de livre expressão das pessoas que usam a internet? Como explicar que a nação mais poderosa do mundo "deixou" vazar milhares de informações supostamente confidenciais? No espetáculo que se criou em volta do WikiLeaks, quem será a vítima real?

Logo depois dos recentes vazamentos do WikiLeaks, o Ministério de Segurança Nacional dos EUA, sem nenhuma notificação, assumiu o controle de dezenas de sites considerados "perigosos", mas sem nenhum vínculo com WikiLeaks. Foi censura sumária sem direito de resposta. Mas, com todo o seu imenso poderio, o governo americano e seus milhares de agentes secretos no mundo inteiro fingem ter poucos poderes para encerrar definitivamente o WikiLeaks, cuja existência se tornou mera desculpa para silenciar quem nada tem a ver com Assange, que está cotado para ser o "Homem do Ano" pela revista esquerdista americana Time.

O WikiLeaks, ao pretender revelar segredos, acabou deixando uma espessa nuvem de dúvidas sobre as reais intenções ocultas dos que o estão usando, ou contra ou a favor, para impor patrulhamento no ciberespaço e uma era de trevas em que a internet seja uma fechada zona de segurança contra os que discordam do Governo Mundial e suas políticas de intrusão e controle sobre as pessoas, famílias e crianças.
http://www.midiasemmascara.org/artigos/movimento-revolucionario/11701-o-que-realmente-esta-por-tras-do-wikileaks.html

_________________
"Quando ouço falar da cultura brasileira, já saco meu rolo de papel higiênico"

Olavo de Carvalho.


Compre aqui sua camiseta de tokusatsu

http://www.vitrinepix.com.br/clockup
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://clock-up.forum-livre.com
Svarog
Imperador Sécular Gorgom
avatar

Mensagens : 861
Data de inscrição : 12/10/2010

MensagemAssunto: Re: Wikileaks e as denúncias de presepadas mundiais e do império.   Seg 20 Dez - 23:41

Fico com um pé atrás com o Julio, apesar de muita coisa que ele diz ter o maior sentido e em até certo ponto concordo. De certa forma, ele "trabalha" para determinados grupos e segmentos sociais, digamos assim, dos quais nao tenho um pingo de simpatia nao irei citar nomes, e só para adiantar nao tem nada a ver com cristianismo por este motivo fico com pé atrás em muitas coisas que ele publica em seu blog.
Defendo o Julio pq ele está exilado do pais, se ele voltar ao brasil será preso. O crime dele? Liberdade de expressao, o cara nao pode falar o que pensa tão pouco educar os filhos a maneira que acha melhor.
O mesmo acontece atualmente com a familia do ex-prefeito de Santo Andre assassino pelo "grande partido" Celso Daniel, a familia do cara está refugiada na França, mulher e filhos, nao podem voltar ao brasil mediante a trocentas ameaças. Isso é uma pena e ninguem divulga PORRA NENHUMA!
O mesmo aconteceu com o velhinho da bengalada no fdp do Zé Dirceu, Yves Hublet. Yves voltou ao brasil, brasilia, para fechar um acordo sobre uma proxima publicacao sua, quando de repente foi preso pela PF sem mais nem mesmo. Yves acabou falecendo na prisao, nao deram maiores explicacoes à familiares e tao pouco aos amigos.
O Wikleaks tá sendo financiado pelos velhos grupelhos, já manjados, é a taticar de informar mas ao mesmo tempo desinformar, o lance é confundir, separar para conquistar. Isto já é velho.
O cara sai vomitando um monte de merda, mas cade as provas oficiais, documentos? Pq a midia nao posta nenhuma copia de documentos oficiais que ele possui ou entao pq ele nao dá maiores "provas" de suas fontes e/ou até mesmo suspostos informantes.
Além do mais pq a midia, ainda mais a midia barata mediocre comprada norte-americana sairia publicando as palavras de um qualquer. Parem para pensar, muitas coisas que o Asange tá soltando até fazem sentido e nao é misterio pra quem sabe contar até 10, mas o foda é a importancia que a midia global tá dando em cima disto.
Como se o que sai da boca ou do bolso dele é inquestionavel, mas nada que já nao tenha acontecido num passado o Julian é só um boneco, mais um.
E o Lula querendo se perfazer em cima disto é pior do que um verme, etâ parasita fdp!
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Kamen Rider
Imperador Sécular Gorgom
avatar

Mensagens : 1528
Data de inscrição : 19/09/2010

MensagemAssunto: Re: Wikileaks e as denúncias de presepadas mundiais e do império.   Qua 2 Nov - 18:21

A Alta Corte de Londres confirmou nesta quarta-feira a extradição para a Suécia do fundador do site Wikileaks, Julian Assange, após uma batalha jurídica de 11 meses que pode continuar com uma apelação à Suprema Corte.

Os dois juízes responsáveis pelo processo rejeitaram os argumentos da defesa de que a solicitação de extradição do australiano de 40 anos, procurado na Suécia por supostos casos de estupro e agressões sexuais, era "injusta e contrária à lei".

Assange, que tem agora um prazo de 14 dias para apelar da decisão à Suprema Corte, não anunciou de imediato o que pretende fazer ao deixar o tribunal.

"Vamos refletir sobre os próximos passos nos próximos dias", se limitou a comentar para uma multidão de jornalistas.

O tribunal não concordou com a alegação de que atos qualificados como estupro na Suécia possam ser considerados um ato consensual na Grã-Bretanha.

"É difícil de imaginar razoavelmente como uma pessoa pode consentir se afirma estar dormindo, e além disso o consentimento não pode ter acontecido sem preservativo", afirma a corte em suas considerações.

Assange apelou no início de março da decisão emitida alguns dias antes por um juiz de primeira instância, Howard Riddle, que aprovou a extradição para a Suécia.

A detenção do australiano aconteceu após o início da divulgação no WikiLeaks e em vários jornais de prestígio mundial de 250.000 telegramas confidenciais da diplomacia americana.

Após a rejeição da Alta Corte, o australiano ainda pode recorrer à Suprema Corte, mas segundo a promotoria é necessário cumprir certos critérios para obter a autorização de apelar à máxima instância jurídica.

A autorização está condicionada à consideração de que a apelação é baseada em um ponto jurídico de interesse geral, ou seja, um aspecto que vai além do caso jurídico de Assange.

Durante a audiência de dois dias celebrada em julho, a defesa questionou a proporcionalidade do pedido de extradição, já que não foram apresentadas acusações formais contra ele na Suécia pelos quatro supostos crimes de agressão sexual, incluindo um estupro, denunciados por duas mulheres durante o período que Assange passou no país em agosto de 2010.

Assange foi detido no fim do ano passado em Londres com base em uma ordem de prisão europeia. Depois de passar nove dias preso, o australiano está em liberdade condicional desde 16 de dezembro e vive na mansão de um amigo, que fica 200 km ao leste da capital, à espera de uma decisão judicial.

Após o anúncio, a mãe de Assange, Christine afirmou que a decisão da justiça britânica facilita a futura extradição do filho para os Estados Unidos. Ela também disse temer torturas.

Christine Assange pediu aos australianos que pressionem o governo para obter garantias de que Julian não será extraditado para os Estados Unidos.

"Agora Julian está mais perto de uma extradição para os Estados Unidos ou rendição. Cabe ao povo australiano usar a democracia ou perdê-la. Se eles não lutarem por Julian, ele será enviado aos Estados Unidos e será torturado. E ele é a pessoa que se levantou pelo mundo para expor a verdade", declarou.

Na Suécia, as duas mulheres que acusaram Assange de estupro e agressão sexual afirmaram estar aliviadas com a decisão do tribunal londrino, afirmou o advogado Claes Borgstroem.

"Elas sentem um certo nível de alívio", declarou Borgstroem.

"Tem sido muito difícil para elas viver com esta incerteza, especialmente desde que elas começaram a ser atacadas", completou, em referência às alegações de simpatizantes de Assange de que as acusações foram motivadas por uma estratégia secreta para derrubar o Wikileaks.
http://br.noticias.yahoo.com/justi%C3%A7a-brit%C3%A2nica-confirma-extradi%C3%A7%C3%A3o-assange-su%C3%A9cia-163235666.html

_________________
"Quando ouço falar da cultura brasileira, já saco meu rolo de papel higiênico"

Olavo de Carvalho.


Compre aqui sua camiseta de tokusatsu

http://www.vitrinepix.com.br/clockup
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://clock-up.forum-livre.com
Conteúdo patrocinado




MensagemAssunto: Re: Wikileaks e as denúncias de presepadas mundiais e do império.   

Voltar ao Topo Ir em baixo
 

Wikileaks e as denúncias de presepadas mundiais e do império.

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 1 de 1

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
Clock Up :: Extras :: Butequis-
Forumeiros.com | © phpBB | Fórum grátis de ajuda | Fale conosco | Assinalar uma queixa | Criar um fórum